01/02/2023 - 14:53:44
You are here: Página InicialPublications Issue 311 – Oct. 2020Informações sobre o Mercado dos Países de Língua Portuguesa

Pesquisar

Informações sobre o Mercado dos Países de Língua Portuguesa

República de Cabo Verde

A República de Cabo Verde, geralmente conhecida como Cabo Verde, está localizada no arquipélago de Cabo Verde, no Oceano Atlântico Norte. É um importante entreposto de transporte marítimo entre vários continentes, incluindo América, África e Europa. Possui uma área total de 4.030 quilómetros quadrados e uma população de 550 mil habitantes. Cabo Verde foi uma colónia portuguesa, a sua língua oficial é o português e a língua étnica é o crioulo, os habitantes são maioritariamente católicos e minoritariamente cristãos. O país está dividido em 22 concelhos. A capital, Praia, é a maior cidade de Cabo Verde e é também o centro político, económico, cultural e financeiro, possui portos comerciais, portos de balsa e aeroportos internacionais.

Tendo uma situação política estável, uma sociedade harmoniosa e um bom desenvolvimento económico, Cabo Verde possui, ainda, uma cultura diversificada, uma população simpática e um sistema legal sólido e funcional. A receita per capita e a qualidade de vida estão entre as melhores da África. Graças à sua vantajosa localização geográfica, ao ambiente político estável e aos vastos recursos marítimos, a indústria do turismo e o desenvolvimento das energias renováveis apresentam muitas potencialidades.

Cabo Verde tem desenvolvido uma relação cooperativa e amigável com vários países, mantendo uma relação especial com Portugal, que é o maior país doador e um dos principais parceiros comerciais de Cabo Verde. Actualmente, é membro de organizações internacionais e regionais como a Organização das Nações Unidas (ONU), a Organização Mundial do Comércio (OMC), a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), a União Africana (OEA), a Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), entre outras.

 

Informações sobre as oportunidades comerciais de Cabo Verde

A economia do país é baseada no sector dos serviços, o qual corresponde a 75% do PIB de Cabo Verde. O sector dos serviços inclui turismo, logística, serviços comerciais e públicos, entre os quais a indústria do turismo é a principal fonte de crescimento económico e de emprego. Em 2019, o número de turistas rondava as 819 mil pessoas, provenientes principalmente dos países europeus, como o Reino Unido, a Alemanha, a França e os Países Baixos.

Os recursos do território são escassos, tendo como recursos principais o calcário, a pozolana, a pedra-pomes e o sal-gema. A base da indústria é fraca, assenta-se principalmente na indústria de construção civil e, actualmente, várias empresas de construção de grande escala dedicam-se às infra-estruturas e obras públicas. A indústria manufactureira também não é desenvolvida, há cerca de 150 fábricas de pequena e média escala, e são nomeadamente de áreas como vestuário, calçado, processamento do pescado, vinicultura, engarrafamento de bebidas, etc.

Além disso, a indústria da pesca assume, também, uma especial importância na economia, atingindo anualmente 37 mil toneladas de pesca, e exporta todos os anos cerca de 10 mil toneladas de marisco, principalmente lagosta, atum e camarão. Cabo Verde possui uma Zona Económica Exclusiva Marítima de cerca de 734 mil quilómetros quadrados, com abundantes recursos piscatórios – embora a indústria não esteja, ainda, totalmente desenvolvida. Cabo Verde possui 39 mil hectares de solo arável, os seus principais produtos agrícolas são milho, feijão, tubérculos, cana-de-açúcar; banana e café, entre outros.

 

Situação Geral sobre a cooperação económica e comercial entre a China e Cabo Verde

Em 25 de Abril de 1976, a República Popular da China e Cabo Verde estabeleceram relações diplomáticas. Desde então, os dois países têm desenvolvido uma boa relação e mantido frequentes visitas mútuas de alto nível. Em 2009, a China e Cabo Verde celebraram um acordo para criar uma Comissão Conjunta na Cooperação Económica, Comercial e Técnica. Em Julho de 2010, realizou-se, em Pequim, a primeira reunião da Comissão Económica e Comercial Conjunta dos dois países. Actualmente, os municípios de Sanya, Jinan e o Distrito de Rudong (do município de Nantong) encontram-se geminados respectivamente com os do Sal, da Praia e da Boavista.

A China e Cabo Verde assinaram memorandos de entendimento no âmbito da cooperação cultural e do plano de execução do turismo, delegações culturais de ambas as partes realizaram várias visitas mútuas. Para além disso, desde 1996, a China tem recebido bolseiros provenientes de Cabo Verde e, em 2015, foi estabelecido o Instituto Confúcio na Universidade de Cabo Verde. Posteriormente, em 2017, o Ministério da Educação de Cabo Verde e o Instituto Confúcio da Universidade de Cabo Verde celebraram um acordo de cooperação “sobre o projecto educacional para o desenvolvimento dos cursos de popularização da língua chinesa nas escolas secundárias de Cabo Verde”.

Principais Indicadores Económicos 2019

PIB (Taxa de câmbio internacional) (Mil milhões de dólares americanos) 1,981.80
PIB per capita (Taxa de câmbio internacional) (Dólares americanos) 3,603.80
Crescimento Real do PIB (Percentagem) 5.7
Taxa da inflação (Percentagem) 0.6
Investimento estrangeiro directo (entradas líquidas)
(Taxa de câmbio internacional) (Milhões de dólares americanos)
105.3
Área de terrestre (Km²) 4,030.00
População 549,935

Source:
1. Statistics Portugal, https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpgid=ine_main&xpid=INE
2. World Bank, https://data.worldbank.org/

 

Estatísticas do Comércio Exterior de Portugal

(Unidade: Milhões de dólares americanos)
Ano Total de exportação
e importação
Total de
exportação
Total de
importação
2019 978.31 71.33 906.98
2018 893.04 78.43 814.61

Fonte: Fundo Monetário Internacional, https://www.imf.org/en/Data

 

Principais Parceiros Comerciais de Portugal (2019)

Principais destinos
de exportação
Total de exportação
(Milhões de dólares americanos)
Percentagem (%)
Espanha 46.21 64.8
Portugal 9.18 12.9
Itália 8.06 11.3
Estados Unidos da América 2.00 2.8
Principais fontes
de importação
Total de exportação
(Milhões de dólares americanos)
Percentagem (%)
Portugal 369.43 40.7
Netherlands 145.90 16.1
Bélgica 80.45 8.9
Espanha 79.94 8.9

Fonte: Fundo Monetário Internacional, https://www.imf.org/

Estatísticas do Comércio de Importação e Exportação entre a China e Cabo Verde

(Unidade: mil dólares americanos)
Ano Total de exportação
e importação
Total de
exportação
Total de
importação
2019 64,209 64,181 29
2018 78,560 78,270 290

Fonte: Administração Geral das Alfândegas da República Popular da China: http://www.customs.gov.cn/

República Democrática de Timor-Leste

A República Democrática de Timor-Leste, geralmente conhecida como Timor-Leste, está situada no sudeste da Ásia, no ponto mais oriental das Pequenas Ilhas da Sonda, a oeste faz fronteira com Timor Ocidental, a sul, encontra-se o Mar de Timor, e em frente à Austrália. Possui uma extensão terrestre de 14.870 quilómetros quadrados e uma população de cerca de 1,3 milhões de habitantes. Timor-Leste foi, em tempos, uma colónia de Portugal e também foi ocupado pela Indonésia e, a 20 de Maio de 2002, a ONU transferiu a soberania do país para Timor-Leste, tornando-se um país independente. As suas línguas oficiais são o Tétum e o português e as línguas de trabalho são o indonésio e o inglês, os habitantes são maioritariamente católicos. O país está dividido em 13 distritos, sendo Díli a capital que, situada na costa nordeste da ilha, possui uma população de 281 mil habitantes e é o centro político, económico e cultural do país, onde mais de 80% das actividades económicas são conduzidas.

O desenvolvimento económico de Timor-Leste é relativamente atrasado, estando dependente das receitas do petróleo e gás e da ajuda externa. Nos últimos anos, o governo tem incentivado o investimento estrangeiro e aumentado, gradualmente, o orçamento e, num futuro próximo, possivelmente iremos verificar um desenvolvimento mais acelerado.

Timor-Leste valoriza a cooperação regional, tem-se integrado activamente em mecanismos de cooperação no Pacífico Sul e no Sudeste Asiático, valoriza igualmente a relação com organizações internacionais. Actualmente, Timor-Leste é membro de 22 organizações internacionais, incluindo Organização das Nações Unidas (ONU) Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Fundo Monetário Internacional (FMI), Banco Mundial, etc.

 

Informações sobre as oportunidades comerciais de Timor-Leste

Timor-Leste possui depósitos minerais de ouro, manganésio, cromo, estanho, cobre, etc., e recursos abundantes como petróleo e gás natural. Até ao momento, foram descobertos 44 depósitos de petróleo, cuja reserva provada é de aproximadamente 187 milhões de toneladas (cerca de 5 mil milhões de barris), e possui uma reserva de gás natural de cerca de 700 mil milhões de metros cúbicos. Em Julho de 2005, Timor-Leste criou o Fundo Petrolífero e, até finais de Setembro de 2019, o saldo acumulado já atingiu 17,65 mil milhões de dólares americanos.

Os sectores industriais são dominantes na economia de Timor-Leste, representando o valor agregado industrial 56,7% do PIB, incluindo as indústrias de impressão, sabão, lenços e têxteis. A agricultura é uma componente importante da economia do país, com terra arável de 230 mil hectares, Timor-Leste produz principalmente milho, arroz e tubérculo; café, borracha e coco são, por sua vez, as colheitas geradoras de lucro.
A maioria do sector dos serviços concentra-se na capital Díli. Devido ao influxo de capital estrangeiro, o sector dos serviços, como comércio, restauração, hotelaria, alcançaram um desenvolvimento relativamente rápido.

 

Situação Geral sobre a cooperação económica e comercial entre a China e Timor-Leste

Em Agosto de 1999, depois de Timor-Leste se tornar independente do domínio da Indonésia, os contactos entre Timor Leste e a China aumentaram gradualmente. Em Setembro de 2000, a China estabeleceu um escritório de representação de nível de embaixador em Díli. Em 20 de Maio de 2002, representantes do governo chinês assistiram às celebrações da independência de Timor-Leste tendo, nessa ocasião, os dois lados assinarado o Comunicado Conjunto sobre o Estabelecimento das Relações Diplomáticas entre a República Popular da China e a República Democrática de Timor-Leste, estabelecendo oficialmente relações diplomáticas. Desde então, os dois países têm mantido frequentes visitas mútuas de alto nível. Em Abril de 2014, o Primeiro-Ministro de Timor-Leste esteve presente na Conferência Anual do Fórum de Boao para a Ásia 2014, realizada na China, e estabeleceu-se oficialmente a relação de Parceria Abrangente de Boa Vizinhança, Amizade, Confiança Mútua e Benefício Mútuo.

Em termos de cooperação económico-comercial, a China e Timor-Leste celebraram um Acordo Comercial, bem como vários acordos de cooperação económica e técnica. Foi, ainda, estabelecida a Comissão Económica e Comercial Mista entre a China e Timor-Leste. Em Julho de 2010, a China decidiu implementar gradualmente o programa de tarifa zero para os produtos exportados de Timor-Leste para a China. Em Março de 2017, Timor-Leste tornou-se oficialmente membro do Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura e, em Maio do mesmo ano, os governos dos dois países celebraram um Memorando de Entendimento sobre a cooperação “Uma Faixa, Uma Rota”, levando a cooperação bilateral para um novo patamar.

Principais Indicadores Económicos 2019

PIB (Taxa de câmbio internacional) (Mil milhões de dólares americanos) 1,673.50
PIB per capita (Taxa de câmbio internacional) (Dólares americanos) 1,294.20
Crescimento Real do PIB (Percentagem) 3.4
Taxa da inflação (Percentagem) 3.2
Investimento estrangeiro directo (entradas líquidas)
(Taxa de câmbio internacional) (Milhões de dólares americanos)
74.6
Área de terrestre (Km²) 14,870
População 1,293,119

Source:
1. Statistics Portugal, https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpgid=ine_main&xpid=INE
2. World Bank, https://data.worldbank.org/

Estatísticas do Comércio
Exterior de Timor-Leste

(Unidade: Milhões de dólares americanos)
Ano Total de exportação
e importação
Total de
exportação
Total de
importação
2019 874,61 69,13 805,48
2018 35,05 439,26

Fonte: Fundo Monetário Internacional, https://www.imf.org/

Principais Parceiros Comerciais de Timor-Leste (2019)

Principais destinos
de exportação
Total de exportação
(Milhões de dólares americanos)
Percentagem (%)
China 32.03 46.3
Indonésia 16.94 24.5
Japão 5.79 8.4
Estados Unidos da América 5.39 7.8
Principais fontes
de importação
Total de exportação
(Milhões de dólares americanos)
Percentagem (%)
Indonésia 327.91 40.7
Singapura 104.79 13.0
China 95.79 11.9

Fonte: Fundo Monetário Internacional: https://www.imf.org/

Estatísticas do Comércio de Importação e Exportação entre Macau e Timor-Leste

(Unidade: mil  dólares americanos)
Ano Total de exportação
e importação
Total de
exportação
Total de
importação
2019
2018 20,356.5 20,356.5

Fonte: Direcção dos Serviços de Estatística e Censos do Governo da RAEM, https://www.dsec.gov.mo/

Fonte: Direcção dos Serviços de Estatística e Censos do Governo da RAEM, https://www.dsec.gov.mo/

 

Fontes de informação:

Instituto Nacional de Estatística de Portugal
https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpgid=ine_main&xpid=INE

Banco Mundial
https://data.worldbank.org/

Ministério dos Negócios Estrangeiros da República Popular da China
https://www.fmprc.gov.cn/web/

Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau – Estudo de Mercado dos Países de Língua Portuguesa
https://www.ipim.gov.mo/zh-hant/market-information/portuguese-speaking-countries/portuguese-speaking-countries-briefing/

Administração Geral das Alfândegas da República Popular da China
http://online.customs.gov.cn/

Fundo Monetário Internacional
https://www.imf.org/en/Data

Direcção dos Serviços de Estatística e Censos do Governo da RAEM
https://www.dsec.gov.mo/