22/04/2024 - 00:06:36
You are here: Página InicialInformações do comércios e convençõesEstatísticas do Comércio Externo de Mercadorias referentes ao ano de 2023 e ao mês de Dezembro de 2023

Estatísticas do Comércio Externo de Mercadorias referentes ao ano de 2023 e ao mês de Dezembro de 2023

Fonte: DSEC

O valor total do comércio externo de mercadorias em 2023 correspondeu a 154,78 mil milhões de Patacas e cresceu 0,9%, face aos 153,33 mil milhões de Patacas registados em 2022. Em 2023 o valor exportado de mercadorias situou-se em 13,34 mil milhões de Patacas, tendo descido 1,3%, face ao ano de 2022. A exportação doméstica (1,55 mil milhões de Patacas) caiu 23,2%, porém, a reexportação (11,79 mil milhões de Patacas) subiu 2,5%. O valor importado de mercadorias foi de 141,44 mil milhões de Patacas, ou seja, mais 1,2%, em termos anuais. Por conseguinte, o défice da balança comercial de 2023 cifrou-se em 128,11 mil milhões de Patacas, mais 1,82 mil milhões de Patacas, face ao ano de 2022 (126,29 mil milhões de Patacas), informam os Serviços de Estatística e Censos.
    
Analisando a exportação por países ou territórios de destino, os valores exportados de mercadorias para o Interior da China (975 milhões de Patacas), para Hong Kong (9,53 mil milhões de Patacas), para os Estados Unidos da América (438 milhões de Patacas) e para a União Europeia (151 milhões de Patacas) em 2023 desceram 25,5%, 7,5%, 28,1% e 8,8%, respectivamente, face ao ano de 2022. Contudo, o valor exportado de mercadorias para os países de “Uma Faixa, Uma Rota” (772 milhões de Patacas) subiu 47,8%. Exportaram-se 1,31 mil milhões de Patacas de produtos têxteis e vestuário, isto é, menos 24,4%, em termos anuais. Exportaram-se ainda 12,03 mil milhões de Patacas de produtos não têxteis, ou seja, mais 2,1%, em termos anuais.
    
Quanto aos países ou territórios de origem, os valores importados de mercadorias produzidas nos países de “Uma Faixa, Uma Rota” (30,92 mil milhões de Patacas) e em Hong Kong (7,19 mil milhões de Patacas) em 2023 aumentaram 18,0% e 41,3%, respectivamente, face ao ano de 2022. Todavia, os valores importados de mercadorias produzidas na União Europeia (44,61 mil milhões de Patacas) e no Interior da China (40,51 mil milhões de Patacas) desceram 2,7% e 4,6% respectivamente, em termos anuais. Analisando por países ou territórios de procedência, o valor importado de mercadorias do Interior da China (20,89 mil milhões de Patacas) cresceu 19,5%, em termos anuais, enquanto o valor importado de mercadorias de Hong Kong (113,98 mil milhões de Patacas) diminuiu 2,8%. Importaram-se 106,30 mil milhões de Patacas de bens de consumo (+4,5%, em termos anuais). Salienta-se que os valores importados de alimentos e bebidas (23,69 mil milhões de Patacas) e de joalharia em ouro (14,46 mil milhões de Patacas) cresceram 20,2% e 47,3%, respectivamente, porém, o valor importado de produtos de beleza, de maquilhagem e de cuidados da pele (13,15 mil milhões de Patacas) baixou 32,1%. Os valores importados de combustíveis e lubrificantes (7,15 mil milhões de Patacas) e de materiais de construção (3,04 mil milhões de Patacas) cresceram 15,7% e 4,2%, respectivamente, enquanto o valor importado de telemóveis (5,27 mil milhões de Patacas) caiu 51,7%.
    
Analisando por mês, em Dezembro de 2023 exportaram-se 1,09 mil milhões de Patacas de mercadorias, mais 31,8%, face ao idêntico mês de 2022. O valor da reexportação (956 milhões de Patacas) cresceu 43,2%. Salienta-se que o valor da reexportação de diamantes e joalharia com diamantes e o de produtos de beleza, de maquilhagem e de cuidados da pele subiram 312,0% e 93,6%, respectivamente. Porém, os valores da reexportação de artigos para casino e de vinho tinto desceram 73,8% e 63,3%, respectivamente. O valor da exportação doméstica (130 milhões de Patacas) caiu 16,9%. Destaca-se que o valor da exportação doméstica de cobre e suas obras e o de vestuário caíram 25,4% e 25,3%, respectivamente. Todavia, o valor da exportação doméstica de produtos de padaria, pastelaria ou da indústria de bolachas e biscoitos e o de produtos farmacêuticos e produtos químicos orgânicos cresceram 68,1% e 40,9%, respectivamente. No mês em análise importaram-se 11,92 mil milhões de Patacas de mercadorias, ou seja, mais 0,2%, em termos anuais. Realça-se que os valores importados de: artigos para casino; automóveis de passageiros e joalharia em ouro subiram 412,4%, 110,1% e 53,5%, respectivamente. Contudo, o valor importado de telemóveis e o de produtos de beleza, de maquilhagem e de cuidados da pele diminuíram 62,4% e 24,1%, respectivamente. Consequentemente, o défice da balança comercial de Dezembro de 2023 foi de 10,84 mil milhões de Patacas.
    
No quarto trimestre de 2023 o valor da exportação de mercadorias (3,83 mil milhões de Patacas) subiu 13,0%, face ao trimestre homólogo de 2022, ao passo que o da importação de mercadorias (36,08 mil milhões de Patacas) baixou 4,0%. Por conseguinte, o défice da balança comercial no quarto trimestre de 2023 fixou-se em 32,25 mil milhões de Patacas.