Organizada pela Delegação de Guangdong do Conselho para a Promoção do Comércio Internacional da China e coordenada pelos Serviços do Comércio da Província de Guangdong, pelo Governo Popular do Município de Guangzhou e pelo China Foreign Trade Centre, a Exposição Internacional da Rota da Seda Marítima do Século XXI – Guangdong 2019 (MSRE, na sigla inglesa) realiza-se entre os dias 23 e 26 de Agosto, no Complexo da Feira de Importação e Exportação da China, em Guangzhou.

Tendo em vista a promoção da cooperação e do intercâmbio económicos e comerciais entre as empresas macaenses e as suas congéneres do Interior da China, o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) organizou uma delegação empresarial de Macau, composta por mais de 30 elementos, que se deslocou a Guangzhou nos dias 22 e 23 de Agosto para participar na MSRE. O IPIM instalou no recinto da exposição o Pavilhão de Macau, com uma área de 396 metros quadrados, essencialmente para divulgar a actualidade do ambiente de investimento em Macau, os serviços prestados pelo IPIM, as mais recentes actividades expositivas a nível económico e comercial, bem como promover o posicionamento do desenvolvimento de Macau enquanto “Centro Mundial de Turismo e Lazer” e “Plataforma de Serviços para a Cooperação Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa”, cujas vantagens poderão ser desenvolvidas no processo da participação da RAEM na implementação da Iniciativa Nacional “Faixa e Rota” e na construção da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau, proporcionando novas oportunidades para o desenvolvimento da cooperação económica e comercial com o exterior.

A Cerimónia de Abertura contou com a presença do Ma Xingrui, Governador da Província de Guangdong, do Wen Guohui, Presidente do Município de Guangzhou e do Zhang Shenfeng, Vice-Presidente do Conselho para a Promoção do Comércio Internacional da China. Na tarde do mesmo dia, a Delegação participou no fórum temático da MSRE, o qual serve como plataforma essencial de cooperação e intercâmbio económico e comercial de alto nível, construído pelo Comité do PCC e pelo Governo Provincial de Guangdong no sentido de implementar de forma aprofundada a Iniciativa “Faixa e Rota” do nosso país. Tendo por tema a “Cooperação de alto nível e desenvolvimento de elevada qualidade”, o fórum deste ano debruça-se sobre a construção da referida Iniciativa e da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau, com vista a abordar a forma de aprofundar ainda mais a conectividade das infra-estruturas, a cooperação económica e comercial e o intercâmbio humanístico com os países e regiões relevantes. A nível de intercâmbio, será prestada atenção especial à cooperação económica internacional, designadamente, ao desenvolvimento integral da cooperação internacional na produtividade da qualidade elevada, à construção conjunta do parque industrial, à promoção da inovação e integração financeira e ao impulsionamento da liberalização do comércio. O Vice-Governador da Província de Guangdong, Ouyang Weimin, e o Vice-Presidente do Conselho para a Promoção do Comércio Internacional da China, Zhang Shenfeng, participaram no fórum e proferiram discursos.

A MSRE deste ano ocupa uma área expositiva de aproximadamente 160 mil metros quadrados, tendo planeado três zonas gerais e quatro profissionais. As zonas gerais incluem zonas de exposição para os países abrangidos pela Iniciativa “Faixa e Rota”, para as cidades da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau e para as diversas províncias e cidades do Interior da China. As zonas profissionais, por seu turno, são compostas pelas zonas de exposição da agricultura moderna e indústria de processamento alimentar, da indústria de manufactura avançada, dos serviços modernos e da economia marítima.

Um empresário representante de Macau reiterou que obteve resultados consideráveis durante a participação no evento, pelo que, através do evento, tomou conhecimentos mais aprofundados sobre a construção da Iniciativa “Faixa e Rota” por parte da Grande Baía, assim como da actualidade do mercado da Região do Sul da China, experimentando o dinamismo do mercado do Interior da China. Outro empresário macaense sublinhou que o fórum reuniu os representantes dos países abrangidos pela Iniciativa “Faixa e Rota”  para a promoção e apresentação das suas indústrias, como o antigo Vice-Primeiro-Ministro da Tailândia e a Ministra da Indústria, Comércio, Turismo, Terras e Recursos Minerais das Fiji, Trairong Suwankiri e Premila Kumar, respectivamente. Através das conversas e do intercâmbio com os referidos, conseguiu conhecer a actualidade do desenvolvimento das indústrias relevantes. Também um representante de Macau afirmou que o evento foi benéfico para alargar horizontes e agarrar as oportunidades de desenvolvimento dos países abrangidos pela Iniciativa “Faixa e Rota”, esperando poder aproveitar o evento para identificar projectos e negócios de investimentos desenvolvidos no Interior da China e em Macau.

A referida Delegação Empresarial, entre outras individualidades, contou com o Agostinho Vong Vai Lon, Vogal Executivo do IPIM, Ian Soi Kun, membro de Macau na Conferência Consultiva Política da Província de Guangdong, Chu Hoi Sang, membro de Macau na Conferência Consultiva Política da Província de Guangdong, Liu Yuk Lun, Presidente da Direcção da Associação dos Fretadores de Macau, Lei Ioi Hang, Vice-Presidente da Direcção da Associação Industrial de Macau, Ku Wing Cheung, Vice-Presidente da Direcção da Associação de Comerciantes Têxtil de Macau, Sunny Ip Sio Man, Presidente da Associação Comercial Federal de Indústrias das Bebidas Alcoólicas e de Alimentação dos Países e Regiões da Lusofonia de Macau, e Ho Wai Tim, Presidente da Direcção da Sino-Portuguese E-Commerce Chamber.

Fotografia de grupo da Delegação Empresarial de Macau em frente do Pavilhão de Macau